Um Cozinheiro em Ação pelo Mundo…


Um Cozinheiro em Ação pelo Mundo…

ale

Formado em Jornalismo, apaixonado por Gastronomia, espírito aventureiro, adora viajar, conhecer o mundo e pessoas diferentes. Esse é Alessandro Francês, um jovem e brilhante aluno, destaque do Curso de Gastronomia da UNISUAM, fala Inglês, Francês, Italiano e é um dos três finalistas do reality show apresentado por Olivier Anquier , “Cozinheiros em Ação”, do canal GNT.

Em entrevista concedida ao Núcleo de Jornalismo do DCC – Diretoria de Comunicação Corporativa da UNISUAM, Alessandro abre o coração e fala de sua carreira, trajetória na culinária e sobre o sucesso com o “Cozinheiros em Ação”.

Confira:

DCC – Conte a sua trajetória na Gastronomia. O que te levou a escolher a Gastronomia como profissão e o que mais você pretende alcançar na carreira de chef?

AF – A minha trajetória na Gastronomia passa pela paixão que sinto pela cozinha; quando viajo a trabalho e vou para uma nova cidade, o primeiro lugar que vou é ao supermercado. Quero saber o que as pessoas comem, quero levar ingredientes novos para testar em casa, depois vou conhecer restaurantes, provar os temperos, pois acredito que cada povo, cada cultura imprime a sua alegria e seus sofrimentos na comida.

DCC – Fale-nos um pouco de sua formação. Quais os cursos que fez ao longo de sua carreira? Como você enxerga a Gastronomia da UNISUAM?

AF – Consigo ver o carinho da escola com o curso. Na UNISUAM a gente não entra de “salto alto”, porque não é escola de moda. Vestimos a Gambuza (uniforme de Chef) e colocamos literalmente a “mão na massa”. Aqui aprendemos que a paixão e o dom são dádivas, mas você também alia a técnica e o aprendizado.

 

DCC – Alessandro, como você chegou até o “Cozinheiros em Ação”? Como está sendo essa experiência na sua vida e carreira?

AF – Conheci o “Cozinheiros em Ação” por meio do site. Uma amiga falou do concurso de uma receita brasileira, convidei amigos e criei um gnochi verde e rosa (brasileiríssimo), com queijo coalho e pesto de salsinha e batata baroa, conclusão: eles amaram e fui selecionado. Éramos 18 e agora estou entre os três finalistas! (Comemora Alessandro)

Sobre minha carreira, sou jornalista de formação e logo após me formar, topei um desafio de abrir uma padaria com um amigo. Virei padeiro e confeiteiro, mas não aguentava mais ver os padeiros fazerem as coisas de maneira errada, por esse motivo decidi fazer cursos no SENAI e virei padeiro. Três anos depois, queria dar uma guinada e vendi tudo para morar um ano fora para estudar Francês, na França. Foi a época que mais aprendi sobre comida; morei com primos franceses e eles respiram Gastronomia. Voltei da França e, em 15 dias, estava fazendo seleção para a TAM para inaugurar a nova rota de Paris. Em três meses, já estava voando na classe executiva e nesses 15 anos de TAM como comissário, fiz muitos cursos com chefs renomados, como a Ana Luiza Trajano, Isaac Azar e com o Presidente da ABS – Arthur Azevedo. Com essa oportunidade de viajar o mundo que a carreira de comissário de bordo me proporciona, aproveito pernoites em Paris e Londres para fazer cursos nas Escolas de Gastronomia do Jamie Oliver e em outra chamada  l’Atelier des Chefs . Fiz também o curso de Barista no SENAC para entender todas as áreas da Culinária. Diante de todas essas experiências, conversei com o Olivier e concordo que hoje tem muito chef e pouco cozinheiro. Por isso, prefiro continuar cozinhando sem rótulos. Ser cozinheiro mesmo é dar prazer através da comida, mostrar o carinho na maneira de preparar um prato e sentir no sorriso de um cliente que valeu a pena.

DCC – Deixe uma dica preciosa para quem quer enveredar pela Gastronomia.

AF – Estudem, experimentem pratos, transformem o que vemos. Uma jurada pegou uma ideia minha e desenvolveu a receita em seu restaurante, isso é incrível. Gastronomia é isso, fazer diferente, fazer a diferença! E por último, alie sempre o seu dom à técnica, pois essa é simbiose perfeita!

 

 





Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Nenhum comentário