Projeto desenvolvido pela Instituição está na final do Adobe Design Achievement Awards


Projeto desenvolvido pela Instituição está na final do Adobe Design Achievement Awards

Clínica virtual

A UNISUAM está na final do Adobe Design Achievement Awards – ADAA, premiação realizada dentro do Design Thinkers. A Instituição concorre com o Projeto Escola Virtual Amarina Motta – EVAM, conhecido como Clínica Virtual, e somos a única instituição brasileira na final. Disputamos na categoria  Innovation in Interactive Media in Education com um outro projeto apresentado por uma russa. A final acontecerá dia 9 de novembro, em Toronto, Canadá.

O projeto da Clínica Escola Virtual foi iniciado em meados de 2008, na UNISUAM. O conceito do projeto era criar um ambiente interativo, rico e que proporcionasse aos alunos e professores uma experiência interativa e rica em sala de aula, uma vez que naquela época já constatávamos a crescente mudança no paradigma de ensino no mundo.

A Clínica Escola Virtual Amarina Motta – EVAM trata-se de um programa de computador que simula, com impressionante exatidão, o ambiente de uma clínica de fisioterapia. “Vi no concurso Adobe Design Achievement Awards 2012, um evento alinhado com nosso trabalho, além de uma ótima oportunidade de conhecer o que tem sido desenvolvido no mundo e mostrar que nosso país é capaz de produzir cases de sucesso na tecnologia educacional”, declara Carlos Henrique Xerfan – um dos responsáveis pelo projeto e quem o inscreveu no concurso.

A partir da sala de espera pode-se navegar por áreas como um consultório, uma sala de morfologia e até um CTI. Em cada uma delas, a experiência do aluno lembra a de um candidato a piloto de avião num simulador de voo. As situações representadas na tela são idênticas às do ambiente de trabalho, sem ninguém ser exposto a risco.

No consultório, há um grande arquivo de depoimentos gravados em vídeo por atores que representam pacientes e suas queixas mais comuns. Por exemplo: “Sou funcionário de um banco e sinto muita dor no cotovelo”, diz um deles. Depois de ver e ouvir o paciente virtual, o aluno pode acessar um banco de dados com os procedimentos mais adequados para examinar o cotovelo, ilustrado passo a passo. Feito o exame, ele tem acesso às possibilidades de diagnóstico e, na sequência, aos tratamentos recomendados para cada caso.

No laboratório de morfologia, um show de imagens em 3D. Ossos, músculos e tendões de todas as partes do corpo são apresentados em detalhes. E não há limite, o aluno pode visualizar o corpo todo ou apenas uma parte, escolher somente os ossos, por exemplo, ou sobrepor a eles os músculos e depois os tendões (vale qualquer combinação entre os três grupos) e observar os tecidos em tamanho real ou em detalhe, como se estivessem passando pelas lentes de um microscópio.

No CTI, é possível monitorar aparelhos vitais, como, por exemplo, um ventilador mecânico, representados na tela com grande verossimilhança. Atento às orientações do professor, o aluno gira os botões do aparelho e o programa mostra quais seriam as reações do paciente – o que traz a óbvia vantagem de familiarizar o futuro fisioterapeuta com equipamentos de grande importância sem que a saúde de pessoas de carne e osso seja postaem risco. Oscursos de Enfermagem e Educação Física também se beneficiam com a clínica.

A Clínica Virtual Amarina Motta ajudou o curso de Fisioterapia a entrar para a lista dos 40 melhores do país no Guia do Estudante, uma das publicações mais respeitadas do Brasil. A frequência dos alunos aumentou 35%, percentual que se repetiu nos resultados das provas.

A tecnologia, na maioria das vezes, é referencial dos crescentes problemas educacionais, porém nunca se teve tanto acesso à informação como nos dias de hoje, graças a ela. Para desenvolver tal material, foram realizadas parcerias com empresas para auxiliar no desenvolvimento tecnológico do projeto – como a carioca Pixel Mídias interativas, que muito colaborou nesta parte. Com este somatório de forças, conseguimos levar para as salas de aula um recurso que teve uma grande receptividade e utilização pela nossa comunidade acadêmica em várias disciplinas dos cursos afins e que continua sendo utilizado até hoje. Atualmente, temos revisto os materiais desenvolvidos e propomos uma atualização no projeto, buscando modernizar e evoluir em todos os aspectos.

 





Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Nenhum comentário