Olho no lannnnceee!!!


Imagem do Post

Você sabia que em 19/07 é comemorado o Dia Nacional do Futebol?

 

Pois, sim! Um dos esportes mais populares no Brasil, o futebol tornou nosso país conhecido internacionalmente pela qualidade de seus jogadores e times, que, frequentemente, disputam competições mundiais.

 

Mas, apesar de ostentarmos o título de “Pátria de Chuteiras” ou “País do Futebol”, o “futiba” nasceu na Inglaterra, em 1863, e foi introduzido oficialmente como esporte no Brasil por Charles Miller, em 1894.

 

 

(Leia mais: Atletas da Atlética UNISUAM garantem vaga na Liga Nacional de Futsal Feminino)

 

 

Origem do Dia Nacional do Futebol

 

A data foi escolhida, em 1976, pela Confederação Brasileira de Desportos – CBD, atual Confederação Brasileira de Futebol – CBF, com o objetivo de relembrar as origens do futebol no Brasil, homenagear o primeiro time de futebol brasileiro – o Sport Clube Rio Grande, fundado em 19 de julho de 1900 – e valorizar cada vez mais o futebol dentro da cultura esportiva brasileira.

 

 

(Leia mais: Atlética UNISUAM obtém excelentes resultados na LUCA e chega à série A)

 

 

 

Você sabe quais são as principais competições nacionais?

 

O Campeonato Brasileiro, também conhecido como Brasileirão, e a Copa do Brasil são as maiores competições nacionais de futebol. O primeiro teve sua origem em 1971, mas, em 2010, a CBF reconheceu a Taça Brasil e o Torneio Roberto Gomes Pedrosa, disputados nas décadas de 50 e 60, como campeonatos nacionais. A primeira Copa do Brasil aconteceu em 1989.

 

Dia Nacional do Futebol

 

No início do ano são disputados os campeonatos estaduais. Antigamente, essas competições atraíam um grande número de torcedores e os títulos eram almejados pelos clubes. Hoje, em alguns estados, os estaduais perderam o prestígio e os times fazem desta competição uma espécie de pré-temporada para se prepararem para os campeonatos nacionais e internacionais.

 

 

(Leia mais: Atlética UNISUAM participa do JUNFRI)

 

 

 

Você está por dentro desses lances?

 

 

– O clube de futebol mais antigo no Brasil é o Sport Club Rio Grande, fundando em 19 de julho de 1900, no Rio Grande.

 

– O segundo time de futebol brasileiro mais antigo é a Ponte Preta de Campinas. O time foi fundado em 11 de agosto de 1900.

 

– O primeiro campeonato de futebol realizado no Brasil foi o Paulista de 1902. Quem venceu foi o São Paulo Athletic Club.

 

– A rivalidade entre Brasil e Argentina começou no dia 20 de setembro de 1914, quando foi realizado o primeiro confronto entre as seleções, com vitória da seleção da Argentina por 3 a 0.

 

– Foi a partir de 1950 que os jogadores começaram a usar números nas camisas.

 

– Os cartões vermelho e amarelo passaram a ser usados pelos árbitros somente a partir da Copa do Mundo de 1970.

 

– O Brasileirão de 1979 teve a presença de 94 clubes de futebol e foi o que mais teve times competindo.

 

– O goleiro Rogério Ceni é quem mais atuou no Brasileirão, tendo participado de 517 partidas.

 

– O primeiro estádio de futebol no Brasil foi, na verdade, uma velódromo, localizado em São Paulo, que sediava competições ciclísticas.

 

 

– 5 jogadores brasileiros já ganharam o prêmio de melhor jogador do mundo: Romário, Rivaldo, Ronaldo, Ronaldinho e Kaká.

 

– Ronaldo Fenômeno tinha apenas 19 anos quando foi convocado para a Copa de 1994, nos EUA.

 

– Em 2014, tivemos, pela segunda vez na história, a realização de uma Copa do Mundo de Futebol em terras brasileiras. O futebol ganhou destaque em praticamente todos os veículos de mídia e levou ao nível máximo a paixão do brasileiro pelo futebol. Infelizmente, não conseguimos nos tornar campeões em nosso país.

 

– Marta é a maior pontuadora de todos os tempos da Copa do Mundo de Futebol Feminino, com 15 gols marcados.

 

– Formiga é a primeira atleta de futebol, de ambos os gêneros, a disputar 7 Copas do Mundo.

 

– Atualmente, o melhor clube brasileiro de futebol é o Palmeiras, que ocupa o 2º lugar no ranking mundial de clubes.

 

– O único clube a liderar o ranking mundial de clube por 4 vezes seguidas foi o Palmeiras.

 

– O clube que tem a maior torcida no país é o Flamengo, com quase 40 milhões de adeptos. Em segundo lugar, está o Corinthians, com aproximadamente 28 milhões de torcedores espalhados pelo Brasil.

 

– Os maiores jogadores do país são Ademir da Guia, Pelé, Ronaldo Fenômeno, Romário, Garrincha, Nilton Santos, Djalma Santos, Friedrich, Tostão, Gerson, Zico, Falcão, Ronaldinho e Neymar.

 

 

(Leia mais: Atlética UNISUAM conquista medalhas em sua primeira participação no JUCS)

 

 

Quando a bola rola, brinca ele, brinca ela

 

Paixão nacional, engana-se quem pensa que futebol é só para os homens. Cada vez mais difundido e ganhando maior destaque, no Brasil e no mundo, o esporte conta com competições exclusivas para mulheres.

 

No Brasil, os campeonatos femininos não se firmaram ainda, mas, em 2007, a seleção brasileira de futebol feminino conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2003 e 2007 e foi Vice-Campeã da Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2007, entre outras conquistas.

 

Por falar em conquistas futebolísticas, nossas meninas da Atlética UNISUAM estão batendo um bolão no Futsal. Elas foram Campeãs da série B da Liga Universitária Carioca – LUCA 2017, Vice-Campeãs da série A da LUCA 2018, Vice-Campeãs da série A da Taça Universitária Carioca – TUC 2018, Campeãs da série A da Athleticup 2018, Campeãs do Campeonato OS8 2018 (campeonato que reúne as melhores atléticas do Rio de Janeiro), Campeãs dos Jogos Universitários de Nova Friburgo – JUNFRI 2018, Campeãs da Liga de Futebol Universitário – LFU 2019.

 

Atlética UNISUAM

 

E não para por aí, não, hein. Nossas corujas atléticas estão disputando a TUC e a LUCA 2019, ambas na série A.

 

“Na TUC estamos na final, que acontecerá no próximo sábado, 20/07, não só com o time feminino, mas com o masculino também. A LUCA está em recesso, mas já passamos para as quartas de finais”, conta Ingrid Mendes – Presidente da Atlética UNISUAM e ala do time.

 

Formanda do curso de Engenharia Mecânica, Ingrid revela, ainda, que o futebol é muito mais do que um esporte, é um divisor de águas em sua vida.

 

“Por meio do futebol e da Atlética eu consegui colocar minha cabeça no lugar, deixar mais leve o ambiente de estudo, abstrair dos meus problemas. Eu encontrei, além de um time, uma família, que trabalha junto e duro para atingir os seus objetivos e, hoje, um dos meus maiores prazeres é poder espalhar a importância do esporte e incentivar a prática no meio universitário. É gratificante demais ver que, atualmente, o time da Atlética UNISUAM é visto como um dos melhores times do meio universitário”, ressalta ela, orgulhosa.

 

(Leia mais: Atlética UNISUAM no JUNFRI: saiba como foi!)

 

Outra apaixonada pelo esporte, Letícia Correia, que joga na ala e também como fixo, afirma que o Futsal representa muito para ela.

 

“Me sinto muito honrada por poder defender as cores da Atlética. É surreal ver pessoas gritando, chorando e indo, não importa o lugar, só para torcer para você e o seu time. É ali, dentro da quadra, que me sinto realizada. Não importa se estou triste ou chateada, dentro dela nunca estarei mal”, declara ela.

 

Não tem como negar, brasileiro que é brasileiro sente o coração bater mais forte quando a bola rola…

 

É pura emoção!

 

 

 

 

Sobre a Atlética UNISUAM

 

A Atlética UNISUAM foi fundada, em 2017, pelos próprios alunos da Instituição, que resolveram se juntar para promover as práticas esportivas e defender o nome da UNISUAM dentre os campeonatos universitários. Proporcionando, também, muita integração.

 

Atualmente, a Atlética é formada por cerca de 130 alunos e egressos, com atletas distribuídos entre 13 modalidades:

 

  1. Futsal (masculino e feminino);
  2. Handebol (masculino e feminino);
  3. Basquete (masculino e feminino);
  4. Vôlei (masculino e feminino);
  5. Jiu-Jitsu (masculino e feminino);
  6. Fut7 (masculino);
  7. Cheerleader (masculino e feminino);
  8. E-Sports (masculino e feminino);
  9. Tênis de Mesa (masculino e feminino);
  10. Cabo de Guerra (masculino e feminino);
  11. Natação (masculino e feminino);
  12. Atletismo (masculino e feminino).

 

 





Luana Medeiros

Por

Analista de Comunicação e MKT/Jornalista/Revisora - Especialista em produção de conteúdo com foco em alta performance

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Nenhum comentário