III Encontro dos Alunos dos Projetos de Extensão UNISUAM


Imagem do Post

dsc_0017

Na última terça-feira, dia 06/12, foi realizado o III Encontro dos Alunos dos Projetos de Extensão UNISUAM, evento que encerra o ciclo 2016 de encontros organizados pela Vice-Reitoria de Pesquisa e Extensão da UNISUAM, que reuniu e certificou cerca de 180 alunos que participaram dos Projetos de Pesquisa, Iniciação Científica ou Extensão.

Os números apresentados impressionaram, pois durante o ano de 2016 contamos com 336 alunos envolvidos com projetos, orientados por 21 professores. Desses alunos, 180 conseguiram concluir os requisitos necessários para receber a certificação.

Para 2017, a meta é ainda mais ousada. De acordo com o Prof. Carlos Alberto Figueiredo da Silva, Vice-Reitor de Pesquisa, Extensão e Inovação UNISUAM, o intuito é certificar 1% dos alunos de Graduação, aumentando o número de alunos participantes, e que esses alunos gerem patentes e artigos. Não fique só no quantitativo, gerem também uma dimensão qualitativa com a produção de trabalhos e artigos científicos publicados, patentes e empresas. “Muitas ideias aqui têm o elemento de inovação e, com isso, podem virar um produto, uma startup ou uma empresa ”, afirma ele.

dsc_0082

Segundo o Prof. Marcelo Andrade, Professor Auxiliar do curso de Direito e responsável pelo Projeto de Extensão de Assistência Jurídica na FAETEC QUITUNGO, o processo de Iniciação Científica e Extensão é extremamente importante para a vida acadêmica, pois é um complemento do que o aluno vê na sala de aula, mas na prática.

Danielle Durval, aluna do 2º período do curso de Enfermagem e participante do projeto “Doe sangue, doe vida!”, ressaltou as oportunidades que o projeto proporcionou a ela e aos seus colegas, como a visita ao Hospital Geral de Bonsucesso, em que ela aprendeu muito sobre o processo de doação de sangue.

dsc_0078

A Profª Maristela dos Santos Cordeiro Magalhães, responsável pelo projeto “Promoção Veiculada à Saúde na Zona Leopoldinense”, acredita que o saldo do ano foi positivo, uma vez que conseguiram alcançar os objetivos que foram propostos no projeto, que era veicular algumas ações educativas, realizar algumas consultas e implementar dentro de uma comunidade.

Para os interessados em participar dos projetos, Prof. Carlos Alberto adianta que o edital para 20107 será aberto em janeiro e ficará disponível para inscrição até março.


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Nenhum comentário