Convocação para o Hackathon 2017, saiba como foi!


Convocação para o Hackathon 2017, saiba como foi!

_DSC0018

Na última segunda-feira, dia 10/04, o Pólen, polo de inovação UNISUAM, realizou a “Convocação para o Hackathon 2017”, evento que apresentou aos alunos dos cursos de Ciência da Computação e de Superior de Tecnologia em Informática no que consistirá o Hackathon.

O Coordenador dos cursos, Prof. André Sih, iniciou o encontro explicando aos participantes a dinâmica da maratona de programação, como funciona o Hackathon, quais são os desafios e quais são as habilidades necessárias para participar.

O evento contou com a participação do Diretor de TI da L’Oreal, Marcos Salles, e Jan Purisco, Trainee da empresa e responsável pela organização do primeiro Hackathon da Instituição. Em aproximadamente 2 horas de conversa com a plateia, eles apresentaram dados sobre a operação da L’Oreal e detalhes do Hackathon organizado por eles.

_DSC0120 (1)

Segundo Marcos Salles, a oportunidade de compartilhar a sua história e trajetória profissional com os jovens presentes serviu para trazer alguns exemplos que só podem ser vivenciados com o tempo. “Minha intenção foi contar um pouco da minha história, porque eu, como profissional de TI e apaixonado pela TI como sou, busco estimular essas pessoas a continuarem na carreira de TI e acreditarem no valor que a TI tem no mercado de trabalho, dentro das organizações e na vida de cada um deles”, conta ele.

Já Jan Purisco, que há pouco tempo participava de palestras como esta como aluno e não como palestrante, citou a importância deste tipo de atividade por poder tirar dúvidas e mostrar caminhos a estes jovens, evitando que eles tenham que passar pelas mesmas dificuldades enfrentadas por ele, incentivando-os a investir cada vez mais na carreira e atingir níveis maiores.

Na sequência, Carlos Henrique Xerfan, Coordenador de Inovação UNISUAM, e Daniela Balog, Supervisora de Novos Negócios do Polén, apresentaram aos participantes o Pólen, polo de inovação UNISUAM, que tem por objetivo incentivar o processo de inovação e empreendedorismo.

_DSC0106

Carlos Henrique Xerfan acredita que o evento tenha uma boa adesão, pois se trata de algo inédito. “É o primeiro Hackathon proposto na história da UNISUAM e acreditamos que, se esse movimento se fortalecer, outras edições virão ao longo do ano para outros projetos que são submetidos ao Pólen e esse movimento gera cada vez mais oportunidades de trabalho para os alunos que estamos formando aqui”, enfatiza ele.

Juntamente com os representantes do Polén, subiu ao palco André Michalski, Mestrando em Ciências da Reabilitação, proponente do tema desta primeira edição do Hackathon, é dele a ideia do Fisioterapp, um aplicativo voltado especificamente para Fisioterapeutas. De acordo com ele, o Hackathon possibilitará diretamente o desenvolvimento desse aplicativo, que ele acredita que será de extrema importância para os profissionais da área, que, por meio dele, poderão dedicar ainda mais tempo aos seus pacientes.

Não perca a oportunidade de colocar em prática o que você aprendeu na Graduação. Além da chance de incrementar seu portfólio com este projeto, a “1ª Maratona Hackathon Pólen – UNISUAM” premiará os três primeiros colocados com vagas no programa de pré-aceleração do Pólen 2017.

Faça já a sua inscrição e participe!





Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Nenhum comentário