Prata da Casa: Da carteira ao tablado


download (16)

O bom filho a casa torna diz o dito popular e Rafael Ferreira da Costa Leite, 31 anos, é exemplo vivo desta máxima.

Egresso da turma de 2010 do curso de Licenciatura em Matemática* e da turma de 2011 da Pós UNISUAM em Matemática Aplicada*, Rafael, hoje, é docente da Instituição e, após concluir o seu Mestrado pela UNIRIO no ano passado, está cursando a Graduação em Engenharia Civil.

Com vasta bagagem profissional, a trajetória de Rafael teve início aos 17 anos ao ingressar na Força Aérea Brasileira como sargento, em 2005. Após 2 anos em São Paulo fazendo o curso de formação, ele retornou ao Rio de Janeiro pensando de que forma daria prosseguimento à carreira, uma vez que seria necessário o ingresso em um curso superior.

Como sempre teve muita afinidade com a área de Exatas e só tinha disponibilidade à noite para cursar a Graduação, Rafael procurou uma instituição que tivesse um curso que gostasse e que não exigisse grande deslocamento, já que estava lotado na base aérea do Galeão.

“A UNISUAM veio como uma grande surpresa, pois me identifiquei bastante com a metodologia de trabalho e com os docentes que trabalhavam lá, que, além de mestres, se tornaram amigos, como até hoje são. Durante a Graduação, prestei processo seletivo para monitor da Instituição, exercendo a função durante quase todo o curso em diversas matérias. Só saí após me oferecerem a oportunidade de iniciar a especialização, no último período da Graduação”, lembra ele.

Segundo Rafael, a Graduação e a Pós-Graduação na UNISUAM o proporcionaram o gosto pela Licenciatura e pela Matemática e esse gosto pela profissão foi crescendo até o ponto em que ele decidiu sair da carreira militar para se dedicar à carreira de Professor quando passou para os concursos, inicialmente, de Professor do Estado e da Prefeitura do Rio de Janeiro e, posteriormente, da Prefeitura de Nova Iguaçu (nos 2 últimos ainda continua efetivo).

download (14)

“No campo do aperfeiçoamento, a UNISUAM me capacitou para ser aprovado por 3 vezes em programas de Mestrado, tendo optado pelo da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (PROFMAT), concluído em 2017, e um concurso para ser Tutor das Olimpíadas de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) pelo IMPA”, conta orgulhoso.

Em 2015, após se candidatar ao Edital de Seleção para Docentes em Engenharia, passando pelas etapas compostas por prova escrita, análise de currículo, prova de aula e entrevista, Rafael retornou à casa, porém, agora do outro lado, como Professor.

Rafael, em consonância com a missão institucional na busca por excelência no Ensino e utilização de métodos que auxiliem e torne cada vez mais simples e descomplicado o processo ensino-aprendizagem, aplica em suas aulas, por meio do uso de tecnologias, o conceito de metodologias ativas, tornando o aluno o agente principal do seu conhecimento.

download (13)

“Uma das atividades que costumo promover em turmas de Estatística e Probabilidade da Graduação, nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Engenharia, consiste em os alunos, divididos em grupos, construírem, de forma colaborativa, um formulário sobre tema de livre escolha (perfil do aluno da Instituição foi o mais trabalhado) e participarem da construção efetiva por meio do Google Forms.

Após efetuar a construção do formulário de dados, esses formulários foram distribuídos através das mídias, de forma que conseguíssemos um gama razoável de informações. Todos os dados coletados foram utilizados para ensinar todo o conteúdo da disciplina, tendo, assim, o aluno utilizado para o seu aprendizado dados reais, dando mais significado à sua aprendizagem, saindo dos tradicionais exemplos dos livros, nos quais tudo é muito fictício”, explica o docente.

Rafael acrescenta, ainda, que, a fim de auxiliar no entendimento de alguns conceitos, tabulações e construções gráficas, o software Geogebra foi utilizado e que essa metodologia, construída por ele e mais alguns pesquisadores, previamente testada e aceita como inovação em sua dissertação de Mestrado, obteve uma boa aceitação do alunado.

Ainda no campo da inovação e tecnologia, Rafael frisa que estar em constante atualização é essencial para quem atua em sala de aula. Além de participar constantemente de congressos, em que ministra minicursos e apresenta seus artigos publicados, com vistas à troca de experiências e obtenção de novas ideias, ele disponibiliza conteúdos, por meio de algumas ferramentas, que auxiliam tanto alunos quanto professores no processo ensino-aprendizagem.

download (15)

Para alunos, Rafael conta, desde outubro de 2017, com um canal no Youtube que vem ajudando diversos alunos na aprendizagem significativa, na resolução de exercícios e dúvidas. “Nas Graduações já estou fazendo uso da ferramenta e obtendo um bom retorno do alunado, que tem uma fonte confiável de consulta”, afirma.

Para professores, ele compartilha, por meio de um blog, diversas ideias, desenvolvidas em parceria com um amigo também professor, sobre como utilizar as tecnologias em sala de aula. De acordo com Rafael, o professor só tem o trabalho de entrar, ler a descrição da atividade e baixá-la para uso.

*Atualmente os cursos não são mais ofertados pela Instituição.

Tags:, , , , ,

4 comentários até agora.

  1. Arilson dos Santos Carvalho disse:

    Essa história de sucesso só foi possível graças a perseverança, dedicação, vontade e a excelência das instituições que passou!!
    Parabéns!

  2. Felipe a Teodoro disse:

    Sou aluno da UNISUAM e já tive aula com o Profº Rafael e ele é um excelente professor! Explica qualquer coisa com maestria.

  3. CLAUDIO PEREIRA CARDOSO disse:

    Foi um ótimo professor, sempre pronto a tirar duvidas e ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *