Vice-Reitoria de Pesquisa, Extensão e Inovação UNISUAM realiza o I Encontro de Iniciação Científica, Extensão e Inovação 2017


foto2

No último dia 05/04, foi realizado, no Auditório Sylvia Bissagio, o I Encontro de Iniciação Científica, Extensão e Inovação 2017, organizado pela Vice-Reitoria de Pesquisa, Extensão e Inovação UNISUAM, com o objetivo de avaliar os resultados dos projetos apresentados pelos alunos do programa que, este ano, alcançou a marca de 530 inscritos, batendo as 336 inscrições recebidas no ano passado.

O evento contou com a presença do Vice-Reitor de Pesquisa, Extensão e Inovação, Prof. Carlos Alberto Figueiredo da Silva; do Coordenador do Mestrado em Desenvolvimento Local, Prof. Antônio Luís Lima; do Coordenador do Doutorado e Mestrado em Ciências da Reabilitação, Prof. Arthur de Sá Ferreira; além de todos os professores responsáveis pelos projetos, que fizeram suas considerações em relação à participação dos candidatos e falaram sobre as ações as quais eles terão pela frente, ressaltando a relevância da participação em projetos como estes, que contribuirão não apenas para a formação profissional, mas também para a formação cidadã dos alunos.

foto1

De acordo com Prof. Carlos Alberto Figueiredo da Silva, o intuito da atividade é estimular a atuação efetiva por parte desses alunos nos projetos para que produzam e tenham, cada vez mais, trabalhos e artigos científicos publicados, patentes e empresas, gerando resultados não só quantitativos, mas também qualitativos. “Muitas ideias aqui têm o elemento de inovação e, com isso, podem virar um produto, uma startup ou uma empresa”, afirma ele.

Em 2016, orientado pelo Prof. André Rezende, o egresso do Mestrado em Desenvolvimento Local, Fabrício Silva, autor do estudo intitulado “Análise do Emprego de Turbinas Eólicas de Pequeno Porte em Organizações Militares da Amazônia, que consiste na avaliação da instalação de um ou mais aerogeradores de pequeno porte em uma região militar em Manaus – AM, teve seu trabalho aprovado e apresentado na Semana de Iniciação Científica no Instituto Militar de Engenharia – IME e na XIII Semana de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Inovação UNISUAM, além de ter sido aprovado e garantido uma bolsa de estudo pelo CNPQ, motivos pelos quais estava entre os alunos homenageados durante o evento.

WhatsApp Image 2017-04-17 at 10.29.24 PM

Segundo Fabrício, o maior reconhecimento pela sua pesquisa de Iniciação Científica foi por meio do V Prêmio CREA-RJ de Trabalhos Científicos e Tecnológicos, realizado dia 06/04, no Hotel Othon Palace, em Copacabana. Julgado pela sua relevância, inovação e conteúdo sustentável, o estudo realizado por ele foi agraciado com o Prêmio CREA-RJ, colocando a UNISUAM equiparada a instituições como UFRJ, UERJ, UFF e IME.

“Considero que ter participado do Projeto de Iniciação Científica valeu muito a pena, pois propiciou amadurecimento acadêmico, disciplina, reconhecimento e oportunidades. Agradeço à UNISUAM e ao Prof. André Rezende por tudo”, declara Fabrício, que, devido ao sucesso da sua experiência na Iniciação Científica, ingressou no Mestrado Acadêmico em Engenharia Mecânica no IME.

Confira a lista dos alunos aprovados pelo Edital de Iniciação Científica, Extensão e Inovação 2017.

Tags:, , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *